Sábios, santos, sujos e selvagens

Delivre, Sevenz e Selvagens à Procura de Lei arrastaram uma multidão numa emenda de um feriado frio para o Hangar 110 e como comentamos em nossas redes sociais, na noite de ontem (20/06) tivemos a honra de prestigiar essas bandas, veja como foi!

Delivre
Eu, particularmente, acharia uma tarefa difícil ser a primeira banda a abrir a casa, já que o público ainda está entrando e muitas vezes ainda estão "tímidos", porém com a Delivre foi diferente! Para minha surpresa, a música escolhida para começar o set era a que eu mais aguardava (e a que eu melhor sabia cantar hahaha).




Foi perceptível o contagio nas músicas seguintes. Mesmo quem não conhecia as músicas, pulou, gritou, bateu palmas... Ótima maneira de começar a noite!

Sevenz
Mesmo tendo descoberto o evento devido ao SPDL, a Sevenz era a minha maior expectativa da noite. Descoberta recentemente, não me aguentava em ver ao vivo como seriam interpretadas as canções, que para minha alegria, superaram as expectativas.



O show contou com a ilustre participação da Dani Candal, em "Carta".


Ao fim do show, corri para comprar o EP Viagem, responsável por boa parte do repertorio da noite e das minhas ultimas playlists particulares.

Selvagens á Procura de Lei
Os mais esperados da noite após enrolarem um pouco na montagem dos instrumentos, abriram o show com nada mais, nada menos que a música "Brasileiro", para delírio de todos. Desde o início do ano, este foi o segundo show da banda em São Paulo, talvez seja esse o motivo responsável pela euforia geral música após música.




A vibe compartilhada entre público/integrantes da banda foi incrível! Em diversos momentos me senti muito orgulhosa da banda, ao observar o quanto ela evoluiu e afirmo sem dúvidas que de vários outros este foi o melhor show do Selvagens que pude assistir.

Comente com o Facebook: