SINCRONIZE: Locus


Unidos por bandas diferentes e muito amor a música, a banda que temos a honra de apresentar está semana na coluna Sincronize é de São Paulo e esse completa 3 anos desde os primeiros acordes como Locus. Graças ao ônibus que pegavam após as aulas, a banda achou seu nome numa mistura de necessidades e em meio ao contudo de literatura encontraram a frase "Locus Urben" (local urbano) e assim encontraram o Locus que remete muito bem a pegada urbana que a banda possui em suas canções.   


Sincronias: O que uma pessoa que nunca foi no show de vocês pode esperar?
Locus: 100% de entrega no palco, e pessoas de verdades fazendo musica de verdade, sobre historia e dilemas ,gente nunca vai se envergonhar da musica que a gente faz,  fazemos musica de verdade e ficamos muito feliz quando a musica é reconhecida, o que a gente procura é identificação, todo esse caos  da vida, as pessoas se identificam na mesma situação, 


Separamos 3 músicas do primeiro EP da banda, o "Qualquer Lugar Nenhum" e pedimos para que os caras comentassem um pouco sobre a canção.


Rodopiando é a menina dos olhos,  já tocou na 89 e isso pra gente foi emocionante. Ouvir sua musica na rádio é mais que um retorno. Ela foi a musica que fez a gente ficar com convicto do que nós podíamos fazer musica em português, vai ser sempre a musica que temos mais carinho, nunca vamos enjoar de tocar.


Cidade a gente já enjoou de tocar mas temos muito carinho. É um hino para nós, é uma das letras que mais  gostamos e como tudo que procuramos escrever, ela tem sinceridade máxima. E é uma letra que muitas pessoas se identificam. 



Delírios de uma mente comum é nossa musica mais divertida, quando estávamos definindo o repertorio, toquei uma parte dela no estúdio e quem gostou muito foi o Flavio, na hora vestiu a camisa e gravamos muito por conta disso.

Sobre o EP: Foi um negocio totalmente inesperado, pois a banda nunca havia escrito nada em português e bateu uma certa insegurança mas mesmo assim prosseguiram e a aceitação do público foi ótima.  Ao todo a banda levou 1 ano para terminar a gravação e contam que nesse período amadureceram muito como banda. Ouça o EP na integra.


Sincronias: A banda não vende os CDs, e sim distribuem, isso é uma forma de divulgação?
Locus: O objetivo é a divulgação cobramos um valor simbólico para sustentar a banda, todos sabem que a vida de banda não é fácil e custosa, o que mais queríamos era distribuir nossos CDs a vontade, se a pessoa pode ajudar a gente dar uma força, mas se não puder só dela estar com nosso cd na mão já é uma força. De sua musica de graça e se as pessoas gostar elas vão ir ao seu show,

Curtiu o som da locus? Não deixe de acompanhar as novidades da banda, curta a página no facebook.

Locus é: Victor Prandine (vocais e guitarra), Guilherme França (guitarra), Flavio Guimarães (baixo) e Pedro Cimionatto (bateria)

Comente com o Facebook:

0 Comentários:

Postar um comentário