Resenha: Fifth Harmony - "7/27" (2016)

Foto por: Ben Watts/Seventeen
Juntadas no programa televisivo The X Factor, Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane, Normani Kordei e Lauren Jauregui formam as vozes do grupo Fifth Harmony. Você provavelmente conhece elas de nome ou então já ouviu pelo menos uma vez o single "Worth It". Se ainda não conhece, saiba que o álbum "7/27" além de ser o segundo do grupo, mostra o melhor de cada uma delas.


Neste novo trabalho todas se destacam, seja vocalmente como nas possíveis performances futuras. Nas novas apresentações pôde-se ver a evolução visual do grupo, que antes - devido a idade das integrantes - apostava em laços enormes e outros itens do tipo para servir de adorno. Agora com a maioridade, elas têm apostado em posturas mais sexys, sem precisar beirar o fútil ou o forçado.

Iniciado por “That’s My Girl”, a canção  é um hino de exaltação feminina, um grande pontapé inicial para o segundo álbum do quinteto, que não para de crescer. 7/27 já é dono de um hit emplacado nas rádios. “Work From Home” em parceria com Ty Dolla $ign já se encontra na cabeça das pessoas e não pretende sair de lá tão cedo.


“The Life” tem cara de hit, embora praticamente todas as outras soem como hits radiofônicos. Talvez seja essa a maior característica observada no álbum, que está totalmente comercial, mas  longe de ser algo descartável ou vazio demais. “Write On Me” poderia ser uma parceria com algum desses DJs de EDM famosos, por ser bem gostozinha de ser ouvida e não é tão pop como a maioria das canções, mas ainda assim é animada. Lembra bastante uma música de deep house.Outra canção na mesma linhagem é "Squeeze" e "Dope".



Trazendo a tona a temática relacionamentos, a letra de "I Lied" gira em torno de um namoro que não passou de uma mentira. "All In My Head" é iniciada por acordes contínuos de guitarra que se estendem no decorrer da música que é mais uma parceria com um rapper, mas dessa vez o escolhido foi Fetty Wap. Outra parceria recorrente no cd é com a também rapper Missy Elliot em "Not That Kinda Girl". "Gonna Get Better" e "No Way" preenchem as vagas de 'baladas do álbum' e quebram um pouco a sequencia de músicas agitadas, como "Scared Of Happy".

7/27 está disponível nas principais plataformas digitais!

Comente com o Facebook:

0 Comentários:

Postar um comentário